René Sudre

 

O INIMIGO DO ESPIRITISMO

 

o antiespirita

 

O PESQUISADOR DE SUPERFICIALIDADE

DA FENOMENOLOGIA ESPÍRITA

 

(1880 - 1968)

 

Animismo [do latim anima + -ismo] - 1. Teoria que considera a alma simultaneamente princípio de vida orgânica e psíquica. 2. O que é próprio da alma.

 

Mediunidade [do latim medium + -idade] - Faculdade que a quase totalidade das pessoas possuem, umas mais outras menos, de sentirem a influência ou ensejarem a comunicação dos Espíritos, tanto que Allan Kardec afirma serem raros os que não possuem rudimentos de mediunidade

Biografia de René Sudre:

 

René Sudre na cidade de Angoulême na França em 1880. Foi jornalista, parapsicólogo e escritor francês. Ele estudou filosofia e ciência na Universidade de Poitiers e na Universidade de Sorbonne. Foi professor no L'Ecole des Hautes Etudes Sociales (1931 - 1940). Membro da Society for Psychical Research aonde contribuiu com artigos para o Journal of the American Society for Psychical Researchn no Journal des débats (1935 - 1940) e na Revue des Deux Mondes.

 

Teve um papel de liderança no Congrès International de Recherche Psychique, e fundou a Bibliotheque Internationale de Science Psychique et Parapsychologie, e fez a tradução para o idioma francês dos trabalhos de Sir William Barret, Dr. William Jackson Crawford e Baron von Schrenck-Notzing, e publicou em 1926 a sua famosa obra Introduction à la Métapsychique Humaine que atacou a hipótese espírita da mediunidade com a tese do animismo para como os médiuns e que eram semelhante ao filósofo francês Henri Bergson.

 

René Sudre colaborou com o ilustre de Dr. Gustave Geley entre os anos de 1921 e 1926, trabalhando no Institut Métapsychique International (IMI). René Sudre entrou em conflito com a orientação espírita da (IMI), pois os seus livros eram críticos da hipótese espírita sobre a mediunidade que foi realizada pelo Codificador do Espiritismo "Allan Kardec".

 

Em 1926, René Sudre foi demitido do (IMI) pelo diretor Dr. Eugéne Osty devido a sua posição "fortemente antiespirita" eivadas por pesquisas com tendenciosas materialistas. Ernesto Bozzano refutou todos os argumentos da teoria animista de René Sudre em sua monografia "A Propos de l introduction à la Métapsychisme Humaine" no ano de 1927.

 

Fonte: Enciclopédia da Ciência Psíquica de Nandor Fodor (1934)

 

 

Institut Metapsychique International (IMI)

 

Em 1919, o industrial francês Jean Meyer fundou, em Paris, o famoso Institut Métapsychique International (IMI). Jean Meyer era adepto fervoroso de Allan Kardec.

 

O primeiro director do IMI foi o doutor Gustave Geley, que era reconhecido como espiritualista e autor de notáveis trabalhos, entre eles a obra clássica «De L´Inconscient au Conscient».

 

O primeiro comité era integrado por homens ilustres: prof. dr. Charles Richet, prof. Santoliquido; conde de Gramont; dr. Calmette; Camille Flammarion; ex-ministro de Estado Jules Roche; e dr. Treissier. Entre os seus membros figuravam sir Oliver Lodge, Ernesto Bozzano e o prof. Leclainché, inspector-geral dos Serviços Sanitários.

 

Os nomes relacionados acima verifica-se que no IMI predominavam os espiritualistas. O próprio prof. Charles Richet, que inicialmente se colocava numa posição materialista positivista, rendeu-se, no final de sua carreira, à irretorquível dialéctica de Ernesto Bozzano, aderindo à tese espiritualista, sem se tornar propriamente espírita.

 

O Institut Metapsychique International (IMI) tendo a frente Jean Meyer o Paladino do Espiritismo teve sua época áurea na primeira metade do século XX. Com a II Guerra Mundial, passou por crise financeira. Atualmente encontra-se a funcionar normalmente. Endereço do IMI: Institut Métapsychique International – 1, Place Wagram – 75017 Paris – França. 100 ANOS DA IMI

Fonte: Portal do Espírito

Conclusões finais:

Ernesto Bozzano refuta as teses de René Sudre publicadas na "Introdução a Metapsíquica Humana". Sudre foi um dos parapsicólogos que mais se opôs aos conceitos espíritas, atribuindo cegamente ao rugido do subconsciente humano todas as explicações dos fenômenos espíritas. Foi um ferrenho materialista e nunca perdia oportunidade para atacar qualquer crença vinculados a fenômenos chamados “sobrenaturais”.

No embate destes dois pesquisadores dos fenômenos psíquicos. De um lado Ernesto Bozzano, impregnado da fé raciocinada, sustentando por quase meio século as teses dos fatos espíritas, demonstrando a existência, a natureza e a interferência do espírito no mundo físico. Do lado oposto está René Sudre, um materialista intransigente, arauto do ateísmo, alegando que a imortalidade da alma e a existência de Deus não existem porque tudo se encerra na morte do corpo físico.

Do confronto destes dois estudiosos na arena do debate metafísico, A Doutrina dos Espíritos sagrou-se vitoriosa com os argumentos imbatíveis de Ernesto Bozzano, que esquadrinhou a força da inteligência nos alicerces da fé e da razão, proporcionando ao homem os conteúdos consistentes sobre o destino espiritual que transcende imensamente o restrito perímetro da matéria.

A vida prossegue muito além dos densos apelos físicos e noutras dimensões seguiremos a caminhada rumo ao Supremo Criador.

Brasília (DF) 30 de maio de 2020
Irmãos W e Jorge Hessen

Fontes: Revista Espírita Bezerra de Menezes (A propósito da Introdução à Metapsíquica Humana) (Audiobook Grátis)

Fontes: Institut Métapsychique International

 

Fontes: CCDPE (Centro de cultura, Documentação e Pesquisa sobre Espiritismo)

 

 

Como distinguir se o Espírito que responde é o do médium ou se é outro
Espírito?

 

- Pela natureza das comunicações. Estuda as circunstâncias e a linguagem e
distinguirás.

 

O Livro dos Médiuns - Allan Kardec (Cap. XIX, questão 223. § 3)

 

"Torna-se, pois, evidente que a mentalidade de René Sudre, sendo a de um sofista de nascença de mistura com a de um temperamento manifestamente apaixonado do parti-pris, o torna inapto ao desempenho da tarefa de, com proveito, pesquisar as manifestações metapsíquicas.

O seu talento é de outra natureza. Poderia, quem sabe, colher louros imarcescíveis se se dedicasse ao jornalismo, à literatura, ao teatro, mas, no domínio da Metapsíquica, ele não conseguirá mais do que entravar o trabalho alheio, desorientar a pesquisa e retardar o advento da Verdade."

Ernesto Bozzano "Os Grandes Gigantes do Espiritismo"

 

RELAÇÃO DE OBRAS PARA DOWNLOAD

 

Revue Spirite (Revues Spirites (1926) (Directeur: Jean Meyer) (Artigos contra René Sudre)

 

 

René Sudre - Introduction à la Métapsychique Humaine (1926) (Fr.)

 

 

Ernesto Bozzano - A propos de l introduction à la Métapsychisme Humaine (1927) (Fr)

 

 

Ernesto Bozzano - A propósito da introdução à Metapsíquica humana

 

 

 

Baixar todas as obras no arquivo zipado