"ANNALES DES SCIENCES PSYCHIQUES"

ÓRGÃO OFICIAL DA "SOCIETÉ UNIVERSELLE D´ÉTUDES PSYCHIQUES"

DE PARIS, FRANÇA

DIREtores - Dr. Xavier Dariex - Prof. Charles Richet

(1891 - 1919)

 

OS LABORATÓRIOS DO ESPIRITISMO

NA COMPROVAÇÃO DA IMORTALIDADE DA ALMA

Apresentação do conteúdo:

A revista francesa Annales des Sciences Psychique (ASP, 1891 - 1919) foi fundada pelo Dr. Xavier Dariex e o Prof. Charles Richet. O desenvolvimento do periódico foi assistido tanto pelo prestígio e a influência de Charles Richet como um cientista e de Félix Alcan como um editor.

No final do século XIX, Annales des Sciences Psychique destacou casos e de experiências sobre as teorias espíritas. Grande parte desta foi a cerca de telepatia espontânea e a mediunidade de efeitos físicos.

A finalidade das sociedades psíquicas é precisamente não deixar que se anule, sem nenhum proveito para a ciência, na obscuridade de sessões espíritas pouco científicas, desapercebidas de rigoroso controle, o poder de certos médiuns notáveis.

No período de 1891 a 1919, ocorreram centenas de pesquisas psíquicas com as mais importantes médiuns da época tais como: Slade, Eglinton, Stainton Moses, Eusapia Paladino, a Senhora d'Esperance, a Senhora Thomson, Marthe Béraud, Stanislawa Tomzyk, a Srta. Goligher, a Senhora Léonard. Entretanto, se fosse preciso citar dois deles, citaria a Senhora Piper (para a metapsíquica subjetiva) e Eusapia Paladino (para a metapsíquica objetiva).

Alguns dos pesquisadores incluídos nas páginas Annales des Sciences Psychique foram: Prof. Charles Richet, Ernesto Bozzano, Albert de Rochas, Sir William Crookes, Prof. Julian Ochorowicz, Cammile Flammarion, Cesare Baudi de Vesme, Dr. Paul Gibier, Émile Boirac, Giovanni Battista Ermacora, Dr. Paul Joire, Théodule Ribot, Barão Albert von Schrenck-Notzing, Prof. François Porro, Prof. Henri Morselli.

A revista proporcionou um fórum na França para debater sobre padrões de pesquisas psíquicas, discutir controvérsias, e trazer a informação sobre o tema a partir de outros países. Isto incluiu traduções das obras dos membros da Society for Psychical Research que era uma outra escola de pesquisas psíquicas na Inglaterra, que possuía pesquisadores de renome: Sir William Crookes, Sir Oliver Lodge, Russell Wallace, Lord Rayieigh, Sir William Barrett, Professor William James, Professor Hyslop, Doutor Richard Hodgson e Mr. F. W. H. Myers.

Em 1905, Annales des Sciences Psychique afiliou-se com a Société Universelle d'Études Psychiques, tornando-se sua publicação oficial na França. “Annales des Sciences Psychique” foi importante no estabelecimento de padrões pesquisas psíquicas e em proporcionar um fórum para o desenvolvimento da pesquisa psíquica na França.

O objetivo final de todo este trabalho destes pesquisadores era a comprovação da Imortalidade da alma, Reencarnação e das múltiplas faculdades do espírito humano.

Sendo que estudo destes pesquisadores levaram o fortalecimento dos postulados espíritas que foram Codificados por Allan Kardec.

Irmãos W. e Jorge Hessen

Ver no site as obras completas de Charles Richet

Fontes: Canal Espírita (Charles Richet Vita dopo la Morte Fantasmi)

Fontes: The International Association for the Preservation of Spiritualist (Annales des Sciences Psychiques années 1891 à 1919)

Fontes: Institut Métapsychique International

“Somos todos concordes em que o presente estado de coisas é um escândalo para o período esclarecido em que vivemos; que a discussão sobre a realidade desses maravilhosos fenômenos espíritas — cuja importância, científica não será nunca exagerada, se apenas a décima parte do que dizem testemunhas geralmente crédulas pudesse ser demonstrada como verdadeira — como ia dizendo, é um escândalo que a discussão sobre a realidade desses fenômenos ainda perdure; que tantas testemunhas competentes tenham declarado a sua crença neles; que tantos outros estejam profundamente interessados em esclarecer a questão; e, ainda, que o mundo culto se ache, apenas, numa atitude de incredulidade”.

O Professor Henry Sidgwick "O Renomado Filósofo de Cambridge"

“A incredulidade científica cresceu durante tanto tempo, e criou tantas e tão fortes raízes, que teremos apenas que a maior, se formos capazes disso, relativamente àquelas questões, enterrando a viva, sob um monte de fatos.

Devemos plantar balizas, como o disse Lincoln; devemos acumular fatos sobre fatos, e somar experiência a experiência e, diria até, não esbravejarmos demasiadamente com os incrédulos de fora acerca do valor probante de cada uma delas, mas acreditar na massa de provas para convicção, O mais alto grau de força demonstradora que pudermos obter além de um simples registro de uma investigação é, aliás, limitada pela fidedignidade do investigador.

Fizemos tudo quanto era possível quando o crítico nada deixou para alegar senão que o investigador era parceiro no truque. Mas quando não deixou coisa alguma, alegará isso. Devemos levar o opositor a ser forçado a admitir ou que os fenômenos são inexplicáveis, ao menos para si, ou a acusar os investigadores de serem mentirosos ou trapaceiros, ou de uma cegueira e um descuido incompatíveis com qualquer condição intelectual fora da idiotia”.

O Professor Henry Sidgwick "O Renomado Filósofo de Cambridge"

"O Espiritismo realiza o que Jesus disse ao consolador prometido: conhecimento das coisas, fazendo que o homem saiba donde vem, para onde vai e por que está na Terra; atrai para os verdadeiros princípios da lei de Deus e consola pela fé e pela esperança."

Allan Kardec "O Evangelho Segundo O Espiritismo"

 

RELAÇÃO DAS OBRAS PARA DOWNLOAD

 

Annales des Sciences Psychiques année 1891

 

Annales des Sciences Psychiques année 1892

 

Annales des Sciences Psychiques année 1893

 

Annales des Sciences Psychiques année 1894

 

Annales des Sciences Psychiques année 1895

 

Annales des Sciences Psychiques année 1896

 

Annales des Sciences Psychiques année 1897

 

Annales des Sciences Psychiques année 1898

 

Annales des Sciences Psychiques année 1899

 

Annales des Sciences Psychiques année 1900

 

Annales des Sciences Psychiques année 1901   

 

Annales des Sciences Psychiques année 1902

 

Annales des Sciences Psychiques année 1903

 

Annales des Sciences Psychiques année 1904

 

Annales des Sciences Psychiques année 1905

 

Annales des Sciences Psychiques année 1908

 

Annales des Sciences Psychiques année 1909

 

Annales des Sciences Psychiques année 1910

 

Annales des Sciences Psychiques année 1911

 

Annales des Sciences Psychiques année 1912

 

Annales des Sciences Psychiques année 1913

 

Annales des Sciences Psychiques année 1914

 

Annales des Sciences Psychiques année 1915

 

Annales des Sciences Psychiques année 1916

 

Annales des Sciences Psychiques année 1917

 

Annales des Sciences Psychiques année 1918

 

Annales des Sciences Psychiques année 1919

 

Baixar os periódicos da Annales des Sciences Psychiques (1902 - 1919)