ProjetO CARTAS DE KARDEC

coleção canuto de abreu

MANUSCRITOS DE ALLAN KARDEC

O CODIFICADOR DO ESPIRITISMO

 

Projeto Allan Kardec

MANUSCRITOS RAROS DE ALLAN KARDEC

O projeto tem por principal objetivo permitir o acesso do público em geral e de pesquisadores a centenas de manuscritos e documentos originais de Allan Kardec, que nunca haviam sido divulgados e editados. Assim, o projeto pretende se tornar referência para fontes históricas primárias ligadas ao pensador francês. Acesse link

Projeto Allan Kardec:

LANÇAMENTO DOS MANUSCRITOS

DE ALLAN KARDEC

O pensador francês Allan Kardec (1804-1869), a partir de investigações e estudos de fenômenos psíquicos/espirituais, fundou uma filosofia espiritualista à qual deu o nome de Espiritismo. Essa filosofia se disseminou no Brasil, predominantemente, como sendo um sistema religioso. Atualmente, os espíritas representam o terceiro maior grupo religioso do Brasil e Allan Kardec se tornou um dos pensadores franceses de maior influência sobre a sociedade brasileira. Milhões de exemplares de seus livros já foram impressos no país; ele é provavelmente o autor francês mais lido no Brasil. Assim, percebe-se a necessidade da ampliação de estudos acadêmicos sobre sua vida, obra e pensamento, cada vez com mais rigor e profundidade. A relativa carência de fontes primárias de Allan Kardec representa uma marcante limitação dessas investigações, que nas últimas décadas têm sido empreendidas por acadêmicos de diversas áreas, tanto no Brasil como no Exterior.

Esta plataforma digital faz parte do Projeto Allan Kardec. O projeto tem por principal objetivo permitir o acesso do público em geral e de pesquisadores a centenas de manuscritos e documentos originais de Allan Kardec, que nunca haviam sido divulgados e editados. Assim, o projeto pretende se tornar referência para fontes históricas primárias ligadas ao pensador francês.

Para tanto, estamos estabelecendo parcerias com instituições ou colecionadores que possuem manuscritos originais de Allan Kardec, bem como com instituições e pesquisadores colaboradores para os trabalhos de transcrição, tradução e análise crítica desses manuscritos.

O projeto começou a partir de um convênio entre a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) e a Fundação Espírita André Luiz (FEAL). A FEAL, que sedia o Centro de Documentação e Obras Raras (CDOR), é responsável pela manutenção do acervo físico e sua digitalização, enquanto a UFJF se responsabiliza pelo armazenamento digital, publicação e análise. O trabalho de transcrição e tradução é feito em parceria pela UFJF e FEAL, contando com a ajuda de pesquisadores de diversas instituições.

Projeto Cartas de Kardec:

A FEAL em parceria com o Instituto Canuto Abreu, tem a guarda de 740 manuscritos inéditos escritos por Allan Kardec, sua esposa Amélie Boudet, Léon Denis, Gabriel Delanne, Camille Flammarion. O pesquisador espírita, farmacêutico, médico e advogado, Dr. Silvino Canuto de Abreu percorreu o mundo em busca desses documentos históricos e milhares de livros que recontam a história do espiritismo, sendo que alguns datam do século XIV e narram estudos e acontecimentos que envolveram espiritualidade, mediunidade e aparição de espíritos em épocas anteriores ao descobrimento do Brasil.

O acervo, embora se encontre em boas condições, atravessou as intempéries do tempo e parte dos documentos precisam ser restaurados, higienizados e digitalizados para que se tornem disponíveis ao público, a pesquisadores e a estudiosos do espiritismo e espiritualismo. O potencial do acervo é gigantesco, ofertando à Ciência e Filosofia Espírita conhecimentos que impactarão positivamente a divulgação do espiritismo pelo mundo afora.

As cartas de Kardec revelam os bastidores, a intimidade, a verdadeira história do espiritismo em 740 manuscritos inéditos que sobreviveram após 150 anos de perseguição.

Ajude a recuperar e tornar público esse extraordinário legado por meio de um Memorial do Espiritismo, um site contendo as cartas digitalizadas, traduzidas e comentadas, uma série de livros, um banco de imagens e um filme narrando a saga das cartas que sobreviveram à queima proposital do espólio de Kardec, a um saque nazista e diversas tentativas de destruição e ocultação.

Imagine o potencial dos mais de 700 documentos inéditos. E das obras raras? Algumas datam do século XVI, sobre médiuns e manifestações dos espíritos. Você é parte fundamental para preservar e tornar público todo esse material para sempre.

Em uma das cartas de Kardec inéditas, Kardec apossa-se da pena e escreve:

“Eu estou hoje num estado desprezível; a que isso se deve? Ignoro. Contrariado o dia todo, e por conseguinte de mau humor. Se é minha falta, dai-me eu vos peço, a força de apartar a causa; se é uma má influência, dai-me força para a repelir. Se é uma prova, que ela sirva a minha humildade; se é como instrução, dai-me a luz necessária para descobrir. Eu não tenho o espírito livre; estou confuso, infeliz, cheio de ansiedade. Em nome de Deus Todo Poderoso, Espírito de Verdade, eu te peço para restaurar a minha calma e me inspirar as melhores resoluções a tomar. Faça com que durante meu sono eu venha a me retemperar e a me fortalecer entre os bons Espíritos e assim restabelecer ao meu despertar uma intuição saudável.”

Nesses valiosos pensamentos íntimos, Kardec se revela um ser humano igual a você, com as mesmas aflições, inseguranças e anseios. O que amplia ainda mais sua grandiosa dedicação à doutrina, enfrentando em sua elaboração os problemas comuns do dia a dia.

O CDOR é um departamento da FEAL, Fundação espírita André Luiz, entidade sem fins lucrativos, ligado ao Centro Espírita Nosso Lar Casas André Luiz.

O departamento é coordenado pelo pesquisador espírita e voluntário da FEAL, Paulo Henrique de Figueiredo e também conta com uma equipe de colaboradores capacitados e dedicados ao trabalho de restauração e recuperação de um material inédito e histórico.

O acervo está sob a responsabilidade do Instituto Canuto Abreu em parceria com a FEAL e tem como objetivo colocar à disposição do público todo esse material até então desconhecido. São mais de 700 documentos de Allan Kardec, manuscritos originais de Kardec, cartas escritas por personalidades importantes na história do espiritismo como Gabriel Dellane, Léon Denis, Camille Flamarion e Amelie Boudet.

Fontes: Lançamento do portal do Projeto Allan Kardec (Evento virtual de lançamento do portal do Projeto Allan Kardec da UFJF (http://projetokardec.ufjf.br/), que reúne manuscritos originais de Allan Kardec (1804-1869), pensador francês que desenvolveu investigações sobre fenômenos psíquicos/espirituais e fundou uma filosofia espiritualista à qual deu o nome de Espiritismo.
Fontes: Canal Espírita Jorge Hessen (O que é Projeto "Cartas de Kardec?" O que manuscritos inéditos revelam?) (Resgatando a verdade ocultada por mais de 150 anos  No dia 3 de outubro - Aniversário do notável filósofo e pedagogo francês Allan Kardec, o projeto Cartas de Kardec irá trazer a tona a história ocultada por mais de 150 anos capaz de transformar e revolucionar a história do Espiritismo)

Fonte Projeto Allan Kardec (Coleções de manuscritos Allan kardec)

Fonte: Projeto Cartas de Kardec

Fonte: Fundação Espírita André Luiz (FEAL)

 

coleção canuto de abreu

MANUSCRITOS ALLAN KARDEC

 

 

01 - Manuscrito de Kardec - 23 de abril de 1857 (Lançamento O Livro dos Espíritos)

 

02 - Manuscrito de Kardec - Ano de 1860 (Prece de Allan Kardec)

 

03 - Manuscrito de Kardec - 11 de maio de 1860 (Carta manuscrita de Allan Kardec)

 

04 - Manuscrito de Kardec - 05 de Fevereiro de 1862 (Carta Allan Kardec a Calcar)

 

05 - Manuscrito de Kardec - 17 de agosto de 1861 (Carta Allan Kardec a Hildebrand)

 

06 - Manuscrito de Kardec - 02 de Novembro de 1863 (Carta Allan Kardec a Jourdan)

 

07 - Manuscrito de Kardec - 03 de maio de 1861 (Carta Allan Kardec a Thiry)

 

08 - Manuscrito de Kardec - 25 de julho de 1863 (Carta Allan Kardec a Varey)

 

09 - Manuscrito de Kardec - 20 de setembro de 1861 (Carta de Allan Kardec a Amélie Gabrielle Boudet)

 

10 - Manuscrito de Kardec (Carta de Allan Kardec ao Prefeito da policia em 1858)

 

11 - Certidão de Nascimento de Allan Kardec

 

12 - Manuscrito de Kardec - 17 de fevereiro de 1863 (Carta de Allan Kardec para Sr. Philippe)

 

13 - Manuscrito de Kardec - 17 de dezembro de 1862 (Carta de Allan Kardec para Sr. Lourrain)

 

14 - Manuscrito de Kardec - 15 de dezembro de 1863 (Carta de Allan Kardec para Sr. Rousset)

 

15 - Manuscrito de Kardec - 02 de junho de 1865 (Carta de Allan Kardec)

 

16 - Manuscrito de Kardec - 10 de janeiro de 1865 (Carta Allan Kardec para o Sr. Ganipel)

 

Baixar todos os materiais no arquivo zipado

 

coleção canuto de abreu

DOCUMENTOS DIVERSOS PARA DOWNLOAD

 

00 - Coleção Canuto de Abreu (Carta de Canuto de Abreu para Chico Xavier de 29/04/ 1937)

 

01 - Coleção Canuto de Abreu (Carta de Manuel Quintão)

 

02 - Coleção Canuto de Abreu (Psicografia Bezerra de Menezes a Canuto de Abreu de 14/11/1968)

 

03 - Coleção Canuto de Abreu - Psicografia Emmanuel (Arquivo Espírita de Canuto de Abreu) ano de 1958

 

05 -  Coleção Canuto de Abreu (Visita Canuto de Abreu a Chico Xavier)

 

06 - Coleção Canuto de Abreu (Léon Denis)

 

Baixar todos os materiais no arquivo zipado